sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Mosaico de Rancores: capítulo 25

Não se precisa mais do que um par de pernas indigestas para ser vítima de um assédio. E esta noite tudo que espero é ser devidamente subtraída. Um jogo de sedução no qual não há damas nem reis nem rainhas, apenas xeque-mate e cavalos mansos que se deixam acariciar. Olhos de cegos julgam meus atos. Oráculos não desvendam meu destino. Mandalas giram como cinzeiros encima da mesa. O garçom se aproxima com passos rápidos e certeiros. Um copo de gim. É o que se pede em filmes americanos. Carrego rancores e disfarço. As máscaras vestem meu rosto e são minhas feições mais verdadeiras. Homens passam e devoram pedaços indesejáveis de mim. Ruminantes. Sinto meu coração pulsar através da minha jugular. Tenho litros de amor a oferecer, mas não posso despejá-los sobre qualquer taça. Corda bamba. Cavalos relincham ao meu redor, ignoro. Um rapaz toca levemente minhas coxas e me convida para dançar. Aceito, sei das suas intenções e elas são exatamente as mesmas que as minhas. Suas mãos deslizam sobre minhas costas e tocam meus quadris. Tremo. Elas são macias e quentes e despertam despudores. Gaivotas galopam meu corpo. Dentes perfeitos mastigam minha carne. Peixes nadam em meu umbigo. Um rio verde e calmo explode dentro de mim. Remos me conduzem. Retalhos são sombras de coisas mortas.

26 comentários:

cachorro rabugento morto em noite chuvosa disse...

Grande literatura. Muito bom!
Lá no cachorro vadio tem um vídeo novo.

Germano Xavier disse...

Carrossélicos devaneios. Desvarios vários. Espocamentos e socos no ar no escuro na sombra, a vida fornicando outra vida. Talvez a síntese dos rancores.

Um carinho, Márcia.
Continuemos...

Heitor Cardoso disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Heitor Cardoso disse...

Teu amor nao pode ser despejado em qualquer taça nem desperdiçado com qualquer gozo. Muito bom.
Minhas sinceras adimiraçoes.
Grandes beijos.

Cristiana Fonseca disse...

Marcia, sou encantada com tua escrita, isso eu digo sempre.
Parabéns por mais essa escrita formidável.
Abraços,
Cris

Guru Martins disse...

...hmmmmm,
nem sei o
que comentar,
mas é bom vir aqui...

bj

f@ disse...

Olá Márcia,

…feitiço de olhar a lua grávida numa noite imensa…
… clarões de estrelas um vendaval que estremece o céu…
Emoção…
A manhã entra nesse instante …

Beijinhos das nuvens

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Minha querida amiga:
Estou por fora do assunto, mas morta de saudade. Sabia que tenho 4Blogs agora? Além do Galeria, tenho o Poemas e Canções:
http://poemasscancoes.blogspot.com
O Doces Poesias
http://docesspoesias.blogspot.com
E o preferido, o TRISTÃO E ISOLDA:
http://tristoeisolda.blogspot.com
Por favor, Marcia, estamos no fim do ano, perto do Natal, apareça em algum Blog meu, de preferência no TRISTÃO E ISOLDA, para despedir-se de mim, depois de tanto tempo ausente.
Um beijo,
Renata

On The Rocks disse...

gosto de passar por aqui...

é sempre recompensador!

desejo um dia conhecer todos meus amigos(as) blogueiros(as).

altos papos vão rolar. acredito.

bj

Luciano Fraga disse...

"Espero é ser devidamente subtraída..." a la S.Plath em Ariel, cada dia mais prazeroso este espaço, felicidades mil, abraço fraterno.

Branca disse...

Bonito texto!
Conhecendo seu espaço, gostei!
Bom fim de semana pra ti,
Branca.

JC disse...

Texto de grande intensidade, recheado de uma intensa noite. Quando o amor desperta dentro de nós, só o damos a quem queremos e a quem o merece.
Mosaicos de grande paixão e de amor ardente.
Beijinhos

manzas disse...

Para vós amigos… de reflexão,
uma natividade de prosperarão
e um ano novo também,
de rostos risonhos,
com realizações de vossos sonhos…
Num vislumbrar de um novo mundo
poetizar a paz e harmonia
cantando todos de mãos dadas
na sintonia da alegria.

Um Bom Natal.
.
.
.
Paz
União
Alegrias
Esperança
Amor Sucesso
Realizações Luz
Respeito harmonia
Saúde solidariedade
Felicidade Humildade
Confraternização Pureza
Amizade Sabedoria Perdão
Igualdade Liberdade Boa sorte
Sinceridade Estima Fraternidade
Equilíbrio Dignidade Benevolência
Fé Bondade Paciência Brandura Força
Tenacidade Prosperidade Reconhecimento
!!!!
!!!!
!!!!
.
.
-Manzas-

Cristiana Fonseca disse...

Olá Marcia,
Desejo a você e tua família Boas Festas.
Beijos,
Cris

Horácio Salgado disse...

São os olhares que dirijo às pernas grosas da... Bem, que importa? Eu não sei dançar, nem lançar peixe no umbigo dos outros.

MagnetikMoon disse...

Um carrocel de sensações que percorrem vontades, desejos...

Feliz Natal/Yule!

Magnetikiss;)

Braga e Poesia disse...

cá eu de novo, pra dizer que o mosaico de rancores : capitulo 25, mantem o nivel de qualidade selo mosaicos de rancores. marcia é sempre bom aparecer neste espaço. me engradece.

Miguel Barroso disse...

Muito bom texto. Voltarei. Boas Festas.


Abraços d´ASSIMETRIA DO PERFEITO

Heitor Cardoso disse...

Obrigado minha querida Marcia, suas palavras sao sempre muito significativas pra mim :)
Espero que tenha um otimo natal tambem, coma tudo o que puder e beba o quanto lhe for aprazivel, pois voltaremos em breve à rotina

muitos beijos

JC disse...

Um Feliz Natal e um ano de 2009 cheio de realizações.
Beijinhos

Raskólhnikov disse...

adorei os textos.
valeu!

Ana Facion ♥Nana♥Aninha♥Anita♥ disse...

OLÁ!
ADOREI O SEU BLOG VIU!!!
ESTOU FAZENDO UMA ENQUETE COM PREMIAÇÃO NO MEU BLOG, DÊ UMA PASSADINHA LÁ E DEIXE A SUA OPINIÃO!
BEJOKITASSS

Germano Xavier disse...

Passando e relembrando, Márcia.

Um carinho.
Continuemos...

Sun(shine) , «3 disse...

Informação de ultima hora lá no
http://asrrosasnaofalam.blogspot.com


b3ijos

da. disse...

...e se a vida valesse uma dança assim como esta que descreve?..

Peculi disse...

"Tenho litros de amor a oferecer, mas não posso despejá-los sobre qualquer taça" - Talvez amadureça esse amor guardado como o vinho que qt mais velho mais apetecível.